Notícias

Apresentando resultados, técnicos do IBGE elogiam apoio da Prefeitura ao Censo Agropecuário

O apoio da Administração Municipal foi primordial para o sucesso do Censo Agropecuário Censo Agropecuário, Florestal e Aquícola realizado em Goianá no ano passado. A constatação é dos representantes da Agência Regional do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), localizada em Cataguases. Os profissionais estiveram nesta quarta-feira, na cidade para apresentar os primeiros resultados do levantamento.

De acordo com o relatório preliminar, o Município tem atualmente 192 estabelecimentos rurais. Na produção animal, o grande destaque é a criação de bovinos, com 8.455 cabeças, ficando a avicultura em segundo lugar com um total de 3.091 galinhas.

Já o cultivo agrícola traz na liderança os 183 mil pés de eucalipto e os 4.600 pés de cana. Na fruticultura, o registro de 9.045 pés nas propriedades pesquisadas mostra que a banana é a fruta mais cultivada no município.

O prefeito Estevinho Barreiros participou da reunião acompanhado do secretário de Desenvolvimento Econômico Fabiano Borges, o diretor de Meio Ambiente Anézio Rodrigues e o servidor Fernando Matozinho, além do técnico extensionista da Emater Milton Xavier Júnior e do vereador Paulo Sérgio Braga Dib, representando a Câmara Municipal.

O trabalho foi apresentado por Sérgio Abritta, gerente da Agência do IBGE em Cataguases e Danilo Pereira de Almeida, técnico de Informações Geográficas e Estatística. A ajuda da Prefeitura, que incluiu a cessão de um veículo com motorista para facilitar o acesso às localidades, “foi primordial para agilizar a coleta dos dados”, lembrou Sérgio.

Realizado em todo o país, o Censo Agro representa uma fonte única de informações fundamentais para a criação de projetos e para decisões quanto a investimentos públicos e privados no meio rural. Propicia também análises comparativas de indicadores agropecuários e ambientais de organismos nacionais e internacionais com o objetivo de implementar ações pelo desenvolvimento do setor.