Notícias

Goianá é referência: PROAGO é um dos 3 melhores projetos do Estado na área da Economia

O Programa Alimenta Goianá (PROAGO) está entre as melhores iniciativas do estado de Minas Gerais, no que se refere à administração pública. Numa conquista histórica, o projeto está entre os três finalistas do VIII Prêmio Mineiro de Boas Práticas na Gestão Municipal, no eixo Economia/Desenvolvimento Econômico.

Confira a lista completa dos finalistas.

Veja o vídeo do PROAGO.

O certame é promovido pela Associação Mineira de Municípios (AMM), principal entidade representativa das prefeituras do Estado. Na quarta-feira, dia 18, duas integrantes da comissão de avaliação estiveram na cidade para conhecer de perto o projeto, como parte da segunda fase do processo de avaliação do prêmio. O vencedores dos três eixos temáticos serão conhecidos no Congresso Mineiro de Municípios, que acontece em Belo Horizonte nos dias 19 e 20 de junho.

Na visita de quarta-feira, as profissionais da AMM Juliana Marinho Diniz (assessora técnica em Saúde) e Angélica Ferreti (assessora técnica em Economia) foram recebidas no Gabinete, pelo prefeito Estevinho Barreiros. Também estiveram presentes o vice-prefeito Paulo Roberto de Assis (Pavão) e o secretário de Desenvolvimento Econômico, Fabiano Borges.

Em seguida, numa reunião realizada na sede da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, as avaliadoras receberam uma explicação completa sobre o funcionamento do PROAGO. O projeto é uma saída inteligente implantada pela Administração Municipal com o objetivo de organizar e ampliar o alcance das ações de apoio ao produtor rural mantidas pela Prefeitura.

A base do programa é o sistema de pontos atribuídos aos insumos e serviços oferecidos. Cada produtor começa o ano com um saldo de 135 pontos, que podem ser trocados de acordo com a tabela. A partir daí, os inscritos têm a possibilidade de planejar como e onde vão investir os subsídios oferecidos pelo Município.

Em tempos de grandes dificuldades financeiras, o uso racional dos incentivos também é altamente positivo para a Prefeitura. O esforço é sempre no sentido de ampliar o número de beneficiados, maximizando os poucos recursos disponíveis. O fornecimento de sementes de feijão e milho, a oferta de calcário e fertilizante e o serviço de análise do solo são alguns exemplos da lista de 14 ações contempladas pelo PROAGO.